Conheça soluções de Câmbio para sua empresa e tenha bons resultados

A Taxa de Câmbio é uma variável muito importante dentro de uma economia. Repare: ela pode influenciar o nível de produção e de inflação, o comércio externo e os movimentos de capital de um país. Em resumo, a taxa de câmbio funciona como parte do sistema monetário internacional, facilitando a operação comercial entre países. 

Para quem se interessa por importação e exportação, estar antenado ao câmbio é essencial. E é por isso que falaremos sobre soluções para sua empresa desde o câmbio pronto ao trade finance. 

E a Taxa de Câmbio, o que é?

A taxa de câmbio é uma relação entre moedas de dois países que gera o preço de uma delas, com  medida em relação à outra. Ou seja, além de evidenciar a quantidade de uma condição operacional, ela expressa as trocas realizadas entre dois países.

Se a quantidade de unidades de determinada moeda necessárias para se adquirir uma outra moeda aumentar, diz-se que essa moeda se desvalorizou em relação à outra – houve depreciação. 

Do contrário, se essa quantidade diminuir, pode-se afirmar que a moeda valorizou em relação à outra – uma apreciação. Sendo assim, as taxas cambiais são determinadas por fatores que divergem de acordo com cada país, principalmente, com relação à política econômica vigente. 

Isso também está atrelado ao câmbio comercial.(veja o artigo sobre câmbio comercial). Vamos para o próximo tópico para entender o que determina a taxa de câmbio? Confira.

O que determina a taxa de câmbio

Não é difícil de imaginar os fatores que influenciam a taxa de câmbio. Analisando melhor, podemos citar aspectos internos, como por exemplo a condução da política econômica. No Brasil, especificamente, essa conjuntura ganha contornos ainda mais fortes.

Isso ocorre, devido ao Brasil ser um país emergente, além de exportador de commodities e importador de insumos industriais. Com isso, a relação com o preço do real com moedas estrangeiras ganha importância.

Outro aspecto importante são os fatores externos que também interferem na taxa de câmbio. Além disso, existem juros internacionais mais atrativos se compararmos com as taxas de juros domésticas, por exemplo, que levam investidores para outros mercados. 

Porém, nem todas as taxas de câmbio possuem o mesmo comportamento. Confira agora, o que preparamos para você saber como proteger sua empresa das oscilações de câmbio.

Conheça 4 formas de proteger sua empresa de oscilações cambiais

A instabilidade do dólar não é surpresa para quem negocia em moeda estrangeira. Mas nos últimos meses, a oscilação atingiu patamares históricos e, até mesmo, as empresas que já estão acostumadas com altas e baixas precisaram rever as estratégias.

Fatores globais como a pandemia, a conflitos entre Rússia e Ucrânia atrelados à situação econômica delicada do Brasil e à instabilidade política, intervenções contraditórias em estatais e os problemas para combater a crise sanitária e de saúde instaurada pelo coronavírus, também colaboram para um cenário mais dramático para importações e exportações.

Por isso, nossos especialistas em câmbio preparam uma lista com opções para ajudar as empresas a se protegerem minimamente das oscilações cambiais. Confira a seguir.

Cenário macro

O primeiro passo é compreender o cenário amplo. Afinal, por que isso é importante? Devido ao fato de empresas importadoras e exportadoras fazerem negociações em moeda estrangeira o tempo todo.Uma vez que,geralmente, os contratos são fechados meses antes da entrega ou envio dos produtos.

Na prática, isso quer dizer que um negócio fechado em dólar hoje, pode valer mais ou menos quando for concretizado no prazo final estabelecido. Com isso, custos básicos como mão de obra e aquisição de insumos ficam comprometidos e o empresário precisa lidar com a variável da volatilidade o tempo todo.Além disso, também é preciso lidar com as questões já inerentes ao seu negócio de fato.

“O ano começou com o dólar em viés de baixa, com novas variantes da pandemia e os fatores internos a moeda foi pressionada e agora novamente está em patamares mais baixos. É impossível prever qual será a cotação ao final do ano. Por isso, é importante que os empresários se protejam dessas oscilações”, avalia Paulo Henrique Ferreira, Head de Câmbio da Braúna Investimentos.

Câmbio Pronto

É uma operação de compra ou venda de moeda estrangeira à vista, que permite o fluxo de caixa para pagamento de obrigações ou recebimentos do exterior. Ou seja, é uma modalidade sem risco de crédito realizada por meio da contratação de câmbio para liquidação em até dois dias úteis. O órgão responsável por regulamentar essa operação é o Banco Central. 

E quais são as vantagens desse câmbio? Contratar o câmbio pronto possibilita que sejam praticadas, taxas de conversão mais competitivas. A maior vantagem disso é que a empresa pode contratar a operação no momento que achar conveniente , com liquidação em até dois dias.

Hedge cambial

Dentre as alternativas para a sua empresa se proteger de oscilações cambiais,  está o Hedge Cambial. É uma ferramenta cada vez mais buscada por empresários da área de comércio exterior e por pessoas físicas que fazem transações internacionais. Esse tipo de proteção é capaz de realizar uma trava de câmbio.

Em outras palavras, a taxa de câmbio feita no ato da contratação do hedge é garantida ao empresário em um prazo pré-determinado. Sendo assim, ele não precisa se preocupar com as variações. Dessa forma, o empresário pode trabalhar todos os seus custos e recebimentos futuros de acordo com um valor fixo.

Segundo Paulo Henrique Ferreira, com o hedge cambial é possível ter uma maior previsibilidade de custos e recebimentos em moeda estrangeira. “Pensando em um cenário de comércio global dinâmico, as margens são cada vez mais apertadas. Logo, correr o risco de perder 2%, 3%, 4% da sua margem por conta de variações cambiais pode ser evitado”, explica.

Não há limitações de valores para operações de hedge cambial. “Ajudamos o cliente a decidir quanto do montante ele quer proteger e, assim como, encontramos a melhor opção para cada tipo de negócio. O intuito é que o cliente possa focar na essência de sua operação e em vender seus produtos, enquanto nós cuidamos da taxa cambial”, diz .

Trade Finance 

Os exportadores e importadores brasileiros lidam com inúmeras dificuldades no dia a dia. Apesar de se tratar de um cenário promissor de recuperação econômica, a obtenção de crédito para operações internacionais ainda é um desafio aos empresários nacionais.Contudo, estar diante do mercado internacional implica entender riscos de crédito e políticos, legislações internacionais e diferentes práticas comerciais.

Quando o câmbio entra na jogada, o cenário fica ainda mais desafiador. Por isso, é importante conhecer instrumentos para auxiliar na obtenção de financiamento e que forneçam também ferramentas, permitindo superar riscos  a fim de colaborar para o desenvolvimento dos negócios de forma segura.

Conte com quem entende de Câmbio da sua empresa

Abordamos nesse artigo tudo o que você precisa saber sobre Taxa de Câmbio e como proteger o seu patrimônio das oscilações cambiais. É bom enfatizar que não existe uma regra, mas trouxemos 4 formas de proteção mais visíveis no mercado, no qual você pode analisar o que se encaixa melhor no seu perfil e objetivos. 

No caso, é o que se enquadra dentro do perfil da sua empresa e que corresponde aos objetivos dela. Sendo assim, o apoio de um especialista pode fazer diferença durante o processo de câmbio. A Braúna Investimentos disponibiliza os melhores assessores do mercado para tirar dúvidas, trocar ideias e auxiliar nos seus investimentos, sempre que quiser.

Ficou interessado(a)? 

Conte com os especialistas da Braúna para soluções de Câmbio para a sua empresa!

Câmbio

Carta de Câmbio Julho 2022

Você notou que no mês de julho o dólar teve uma volatilidade de quase 10%?!Pois bem, o dólar fechou em leve alta nesta ultima sexta-feira

Leia mais